Vibração Coletiva (13/09/2017) – Humanidade

Vibração Coletiva (13/09/2017) – Humanidade

Humanidade

A nossa humanidade em toda sua trajetória de vida, busca soluções para suas dificuldades de sobrevivência e forma de coexistir.

No mundo antigo buscávamos, por uma caverna quente e comida, no mundo atual através do trabalho, por uma boa casa, alimentação e lazer, o grande diferencial de antes e agora, é o lazer, “o motivo para tudo acontecer”.

O lazer nos faz trabalhar incessantemente para tê-lo, na hora que quisermos. Mesmo assim, poucos o conseguem dessa forma. E mesmo o tendo, falta algo mais, a solução para a humanidade não chega, todos querem, poucos tem, muitos sofrem, não há¡ uma solução, já que o lazer é um descanso para o excesso de exigências de uma humanidade que, “trabalha por tempo e não tem tempo para se trabalhar”, ou seja, se autoconhecer.

Desde os primórdios da humanidade, a primeira concepção conhecida é o território, “minha cerca, sua cerca” a marca do seu e do meu e junto com isso, muitos problemas.

A organização  o que nos faz sair do caos, porém junto a organização existe as desigualdades pela falta de maturidade da cidadania e cooperação.

O que liberta? Sermos únicos naquilo que fazemos e reter “o poder de saber apenas em nós” ou ter várias pessoas que “não sabem aquilo que fazemos”, e nos ajudam a melhorar e elevar “aquilo que sabemos fazer”.

A Cooperação, o Compartilhar, o Repasse, fazem com que muitos, não sejam apenas muitos, mas muitos que se entreajudam, para ser todos.

Uma reflexão, a liberdade é nós sermos livres de nossas responsabilidades? Ou a liberdade está em ter a responsabilidade e saber o que fazer com ela?

A grande prova para humanidade, a liberdade humana, sermos, permitindo que todos sejam.

Nessa reflexão, que não é única verdade, mas um ângulo de visão, compartilhando com os irmãos, vamos mentalizar juntos, para buscarmos nossa liberdade, nas soluções para humanidade.

Que nesse momento todos nós juntos, possamos pensar em “mente coletiva” para que os(as) educadores, as donas de casa, os cientistas, os lixeiros, os políticos, as executivas, os padeiros, os médicos, as secretárias, todos os profissionais das áreas aceitas ou não socialmente, possam onde quer que estejam, encontrar soluções para sua humanidade, nossa humanidade.

O todo de um oceano começa por uma gota, sejamos a gota do oceano de soluções para nossa humanidade individual e coletiva.

Muita luz, paz e esperança na confiança que aquilo que fazemos pode mudar o “nosso mundo” se perseverarmos para que assim seja!

Esta entrada foi publicada em Vibrações Coletivas por um Mundo de LUZ com as tags . ligação permanente.